A IMPORTÂNCIA DA PRESENÇA DOS PAIS PARA O DESENVOLVIMENTO DA CRIANÇA

6fa5f2_5fd76a36357a4007a322af9b450e7d02

Em recente pesquisa de um jornal popular do Rio de Janeiro, em janeiro de 2000, pesquisadores afirmaram através de um novo estudo, que crianças que crescem ao lado dos pais tem mais capacidade para lidar com os problemas do dia-a-dia e são bem mais articuladas. Para alertar para o problema, os pesquisadores da Universidade de Nayland  e o autor da pesquisa Dr. Mowrrew pesquisaram 175 crianças de 3 anos e 73% das mães declararam que principalmente o pai biológico ou qualquer figura masculina que represente o papel viam ou tinham algum contato com as crianças pelo menos uma vez por mês.

Dos identificados como pais, 64%, foram entrevistados e observados enquanto Resultado de imagem para pai com criançabrincavam com os filhos. Os pesquisadores quiseram mostrar como o envolvimento dos pais com as crianças estaria relacionado ao desenvolvimento da capacidade cognitiva , das formas de expressão e do pensamento.

 A descoberta foi de uma profunda relação entre a felicidade de pais e mães por terem a capacidade da criança. A educação materna e se o pai contribui financeiramente também foram dados importantes para a análise. A pesquisa conclui a importância da  criança interagir sempre com a figura paterna como uma garantia de seu desenvolvimento.

  Essa pesquisa foi de grande importância para a confirmação de nossa experiência e em nosso consultório a  10 anos. Observamos inúmeros casos semelhantes , onde a criança / adolescente é mais atingida com a ausência do pai/mãe, ou até mesmo em caso de pais separados, é aí que vemos a importância de um “espaço” para a criança não  somente visto como terapêutico , mais um “espaço” lúdico , onde ela possa se expressar-se, além de lugares comuns como escola, clube, playground, …mas um lugar especial onde estes conteúdos internos inconscientes possam se manisfestar através de atividades expressivas não verbais, como recursos terapêuticos usados pela terapia   ocupacional, que cabe mencionar que a atividade é considerada nesse processo como instrumento que pode viabilizar a expressão, a espontaneidade, o conhecimento das potencialidades e das limitações durante as suas ações na família, na sociedade e no mundo, principalmente pra a criança que está em formação de sua personalidade.

  Este espaço terapêutico permite a possibilidade de um envolvimento maior da criança com as suas ações através do contato integral com diferentes materiais, objetivos e situações é possivel sentir o prazer das realizações num processo criativo, espontâneo, de desafios e descobertas.

Autora: Valdelene Alves ( Terapeuta Ocupacional – Crefito/3-3421)

Fonte: Livro Manual da Criança 2000 – Ed. Município do Rio de Janeiro – Fev/ Mar/ Abr/ Mai 2000.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto:
search previous next tag category expand menu location phone mail time cart zoom edit close